Páginas

domingo, 19 de abril de 2015

Conheça quais são os países que liberaram o uso da maconha ou que tem uma política mais branda em relação à erva



O uso da maconha é ainda um tabu ou uma questão complicada para muitos países. Enquanto isso, para outros, a erva é liberada e consumida em espaços públicos. Confira a lista dos países mais liberais em relação à erva:

-Uruguai: nosso vizinho Uruguai foi o primeiro país a legalizar venda, cultivo e distribuição da maconha. Segundo a lei, pessoas com mais de 18 anos poderão comprar até 40 gramas por mês da droga que é plantada pelo governo do país. Também é permitido ao cidadão plantas até 6 mudas por ano. Porém não é legal atravessar as fronteiras do país com a droga. Por exemplo, se você vai para o Uruguai e quer trazer maconha de lá para o Brasil, isso não é permitido. Informação importante: a maconha será vendida nas farmácias, o tráfico é proibido no país.

Mujicannabis Uruguay no Problem(homenagem ao presidente Mujica, que foi a favor da legalização da erva no país), foto tirada em Cabo Polónio, Uruguai


Planta de maconha em um hostel no Uruguai (lá é muito comum hostels e casas terem a sua própria planta)

-Holanda: na verdade, o governo holandês criou uma política que tolera o uso da maconha com algumas condições específicas. A venda só é legal nos famosos coffeeshops, cuja entrada só é permitida a pessoas que tenham idade acima de 18 anos. Os cafés não podem fazer propaganda das drogas e não podem vender mais que cinco gramas de maconha por pessoa por dia. Importante frisar, o consumo de maconha em Amsterdam não é legal, porém é tolerado sem punição, seguindo algumas regras específicas. Outra observação importante é a de que nos coffeeshops não é permitida a venda de nenhuma droga pesada.

Coffeeshop em Amsterdam (fonte: http://www.cannabis-pictures.com/)

-Bangladesh: o uso de ópio e maconha é super tradicional no país. Na verdade, nem existem leis em Bangladesh relativas à maconha.

-Coreia do Norte: me surpreendi quando fiquei sabendo que na Coreia do Norte não há punição prevista para uso, cultivo e venda da maconha. Por lá, a maconha não é considerada uma droga, Por outro lado, o país tem posições rigorosas em relação a drogas mais pesadas.

Coreia do Norte, um dos países que mais restringem os direitos civis e políticos, tem a erva liberada (fonte: http://outraspalavras.net/)

-Estados Unidos: Nos EUA, a maconha é ilegal na maioria dos estados. Existe uma lei fedral que proíbe a erva, mas vários estados possuem leis mais brandas. No Colorado e em Washington, o uso e cultivo para consumo pessoal é legal, e o comércio permitido mediante licença estadual. Outros 19 estados americanos já autorizaram a cannabis para uso medicinal. Em outros estados do país o consumo e venda continuam sendo ilegais.

Estudos sendo realizados nos EUA sobre o uso da cannabis para fins medicinais (fonte: catracalivre.com.br)

-Jamaica: a lei jamaicana proíbe o uso, o cultivo e a venda da maconha, embora tudo isso aconteça por lá. Por enquanto o país não reprime muito quem utiliza a erva e há propostas para descriminalizar o consumo.

Morador mostra sua plantação de maconha na Jamaica. Apesar da droga ainda ser ilegal no país, 'tour da maconha' leva turistas a plantações da erva na Jamaica (fonte: http://g1.globo.com/)

-Portugal: Portugal foi um dos primeiros países da Europa a descriminalizar o uso de drogas, em 2001. Apesar da maconha não ser legalizada em Portugal, o consumo da droga em pequena quantidade não dá cadeia. Porém, o cidadão pode ser forçada a se internar em uma clínica de reabilitação se for flagrado diversas vezes com droga.

Mesmo com a descriminalização, há muitos movimentos em Portugal que pedem a legalização da maconha

-Espanha: o governo espanhol permite o plantio privado para consumo pessoal, assim como o uso em locais particulares. Em lugares públicos, o consumo da erva é punido com multa e confisco. A venda da droga é crime passível de prisão. Aproveitando a lei espanhola, diversos clubes para usuários foram criados em diversas cidades.

Na Espanha acontece uma feira que promove produtos para uso e cultivo da maconha (fonte: http://smkbd.com/)

Alguns países em que a erva é ilegal, mas descriminalizada são: Argentina, Peru, Colômbia, México, Itália e Irã.

No Brasil, o consumo de qualquer droga ilícita é crime, mas o uso pessoal não é punido com prisão. A lei prevê advertência, serviço comunitário e aulas sobre os efeitos da droga para quem é flagrado mesmo com pequena quantidade de maconha. Venda e transporte, assim como posse e cultivo de grandes quantidades é considerado tráfico de drogas, com pena prevista de 5 a 15 anos de prisão, além de multa. (retirado de http://oglobo.globo.com/)

Tem algum outro país que você incluiria nessa lista? Se tiver, me conta aí nos comentários, e me diz também o que você achou sobre esse post!

Não esqueça de curtir a página do blog no facebook e ficar por dentro das melhores dicas sobre os melhores destinos: Nicole Werneck - Blog .

Beijo, beijo,

Nicole Werneck.

←  Anterior Proxima  → Página inicial

8 comentários:

  1. Estados de Oregon, Washington D.C. e Alasca também liberaram para fins recreativos, KKKKK lol KKKKKKKKKK lol KKKKKK Legalize, Brazil already !!! Eu sei que essa reportagem foi estes Estados ainda não havia legalizada o consumo.

    ResponderExcluir
  2. legalizar para combater , assim como se combate o cigarro!

    ResponderExcluir
  3. Tanto as drogas lícitas como as ilícitas são prejudiciais à saúde psicofísica, por isso devemos evitá-las. Na Natureza há plantas medicinais e plantas prejudiciais à saúde, pois devemos usar as benéficas e nos afastar do consumo das maléficas, pois há até ervas venenosas e alucinógenas.

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que é imoral, mas o Estado não tem o direito de proibir esse uso.

    ResponderExcluir
  5. Relativa a questão da moralidade do uso... se consumimos alcool buscando o efeito, porque não consumir a maconha da mesma forma? Falando exclusivamente da maconha, facilitaria a fiscalização e até mesmo as políticas públicas de combate a dependência química.... com relação a outras drogas as chamadas "químicas", precisa ser feito um estudo melhor pois os danos são mais graves, etc.. Mas com relação a maconha, estudos apontam que ela faz bem menos mal que o cigarro (que é permitido fumar na rua).

    ResponderExcluir
  6. Tem que dar um pau nesses maconheiros filhos dá puta, essa sociedade de gente fraca tratando esses como gente, pau neles... E apaga o cigarro de maconha no tuba deles...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Drogas é coisa de arrombado. A maioria que quer liberação nao passa de Zé droguinha que se acha melhor que os outros

      Excluir