Páginas

sábado, 18 de outubro de 2014

Sexta Carioca - As praias do Rio



Olá galera! Tudo bem?

Vamos seguir falando sobre o Rio de Janeiro? 

Essa semana INTEIRA eu tenho simplesmente MORRIDO de calor. A cidade maravilhosa é assim, muito calor, mas o que torna ela maravilhosa não é o calor, mas as diversas opções de se livrar dele. Seguindo esse tema, hoje falarei um pouco das praias do Rio (mesmo não tendo conseguido ir em alguma essa semana).


A cidade do Rio de Janeiro, para invejar as pessoas que não moram em cidades de litoral, tem 33 praias aproximadamente. SÓ A CIDADE. Desculpa, mas o Estado tem muuuuuuito mais. :)


Lógico que não vou falar de todas em um post só, então eu vou organizar por ordem. To pensando em fazer por ordem das melhores no meu ponto de vista, mas como gosto muda de pessoa pra pessoa, falarei na ordem na qual elas aparecem!

Tim Maia, como um amante do Rio de Janeiro, cantava a música "Do Leme ao Pontal, não há nada igual" que nada mais é do que o litoral da cidade e depois ainda cita "sem contar o Calabouço, Flamengo, Botafogo, Urca, Praia Vermelha (...) ". E realmente, não tem nada igual esse litoral (pode ter melhor, mas igual não tem... ahaha) .

Então vamos falar da primeira praia, porém é importante informar que meu post não é sobre o litoral, então vou pular a zona portuária e tal, outro post eu falo sobre essas zonas, portanto, falarei da primeira praia seguindo o litoral do centro, subindo para a zona sul, depois zona oeste e subindo.

Vamos lá?

Praia do Flamengo

Praia do Flamengo (fonte: Google)

Praia bonita, fica no bairro do Flamengo, atravessando o Aterro do Flamengo. Não se preocupem, mais pra frente falarei dos bairros e das zonas da cidade. Vamos focar na praia. Tem aproximadamente 1 km de orla.

NÃO TOMEM BANHO LÁ. Simples.

Temos 33 praias, mas nem todas são pra banho, só umas 30...ahahaha.

O aterro e a praia são zonas de lazer, então é muito bom ir lá para jogar um vôlei, futevôlei e atividades do tipo. Muitas pessoas fazem essas coisas, correm na praia. Enfim, praia para lazer e atividades, não para banho. Por que? É suja. Me dói dizer isso, mas é a dura realidade.

Praia de Botafogo ou Enseada de Botafogo

Enseada de Botafogo 180º (Fonte: Google)

Essa praia é linda porque tem uma visão de frente ao meu amado Pão de Açúcar

Assim como a Praia do Flamengo, ela não é para banhistas, logo é muito utilizada também para exercícios físicos e tal. Logo ali, tem uma marina com alguns barquinhos, que ajudam a contaminar a água mais ainda. Por isso, é muito triste dizer, mas ela não é própria pra banho.

Dentre as maiores atrações da Enseada de Botafogo está o conhecido Iate Clube do Rio de Janeiro, cujo cais e marina se fazem visíveis de quase todos os pontos do bairro.

No início do século XX, quando da administração do prefeito Pereira Passos (1902-1906), a orla da praia recebeu os jardins da avenida Beira-Mar, estes tiveram projeto paisagístico do francês Paul Villon (Paulo Villon).

Em nossos dias, as areias da praia servem de palco a shows e concertos, atraindo milhares de pessoas. A orla da praia tem uma ciclovia.

Praia da Urca

Praia da Urca (Fonte: Google)

Essa pequena e simpática praia fica no bairro da Urca e é quase que privada. Na realidade, no Rio de Janeiro não existem praias particulares, mas essa é tão "local", frequentada por pouca gente, que parece privada.

Essa praia só tem 100 metros de extensão!  Possui águas calmas totalmente sem ondas e de um tom escuro por causa da poluição, tem areias claras e finas. 

Por ser poluída é considerada imprópria para banho, mas de vez em quando suas águas ficam com melhor qualidade. Além de ser muito frequentada por moradores do bairro, é frequentada também por moradores do Centro, bairros como Catumbi, Rio Comprido, Santa Teresa, etc., por terem filhos pequenos e preferirem esta praia pelo fato dela não ter ondas.

Praia Vermelha

Praia Vermelha (fonte: Google)

Essa é maravilhosa. Tranquila e bonita. Águas calmas e poucas ondas, mas não se engane! Ela é MUUUUUUUITO funda. Por isso poucas pessoas são vistas na água. Muitos aproveitam para fazer SUP (Stand up Paddle) e caiaque. Fica localizada entre o Pão de Açúcar e o Morro da Babilônia.

Em suas areias, podem ser vistos cristais de granada, mas não é esta a razão do seu nome; ela é assim chamada porque a areia fica avermelhada quando o Sol se põe, devido ao reflexo da luz do Sol nos cristais vermelhos e rosas.

Gente, é muita praia, mas vou parar nessa aqui dessa vez!  As próximas são as grandes e famosas: Leme, Copacabana e etc.

Com esse papo todo de praias e o sol estalando aqui no Rio, tá na hora de parar de escrever e trocar a bermuda por uma sunga e dar um "tibum" na praia. 

Até a próxima semana pessoal! :D


Quem tiver dúvidas e sugestões sobre os próximos artigos, não deixem de dizer!

Confira também o artigo: Tudo o que você precisa saber sobre o Pão de Açúcar.

Leia mais dicas sobre o Rio de Janeiro aqui.

Rodrigo Lima Nascimento
Guia de Turismo no Rio de Janeiro, estudante de Relações Internacionais na UFRJ, pseudo Carioca, apaixonado pelo Rio de Janeiro, aventureiro de plantão e poliglota por hobby.
+55 21 9 83331669 (whatsapp)
RodrigoLTour@gmail.com
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Um comentário: