Páginas

terça-feira, 5 de agosto de 2014

O que é CouchSurfing?



Algumas pessoas já me mandaram e-mail pedindo para eu escrever sobre o CouchSurfing e como funciona. Então, lá vai:
Bom, o CouchSurfing é uma rede social de troca de hospedagem (clica aqui para ir para o site do Couchsurfing). Literalmente sendo traduzido, seria Surfando no Sofá. Você cria o seu perfil e diz sobre a sua disponibilidade de ter hóspedes em sua casa ou não. Tem uma série de informações que você pode preencher no seu perfil, e quanto mais completo ele estiver, melhor, já que é uma maneira que você tem de se apresentar às pessoas que vão visitar o seu perfil. 
Uma parte muito impostante são as referências. Se você hospedou, ficou hospedado ou conheceu alguém através do CouchSurfing, você pode deixar uma referência que será visível publicamente no perfil da pessoa. Você poderá qualificá-la como positiva, negativa ou neutra. Isso é uma ferramenta que o site utiliza para que as próximas pessoas que vão se encontrar saibam como foram as experiências anteriores das outras.
Quando vou hospedar ou seu hospedada, eu sempre olho as referências, e se a pessoa tiver alguma referência negativa, eu analiso essa referência para ver o motivo. 
Sempre me perguntam se é perigoso. Bom, eu já passei por uma situação ruim em Londres (contei sobre ela aqui). Eu já fiz CouchSurfing no Brasil, Inglaterra, Espanha, Portugal, Bulgária, França, Alemanha, Grécia e Turquia. E de situação ruim, mas que não merece uma referência negativa, foi só a de Londres mesmo.
É muito importante dizer aqui: CouchSurfing não é um site para ter um lugar para dormir de graça. O legal do site é conhecer gente, trocar cultura. Posso falar pela Turquia, que foi o país com a cultura mais diferente da minha que já fui. Quando você viaja e fica hospedado de CouchSurfing, você conhece a rotina de uma casa daquele país. Na Turquia, eu fiquei na casa de amigos e de CouchSurfing também. Eu tomava café-da-manhã com eles, almoçava, jantava. Eles me contaram um monte de coisas legais sobre o país deles. Eu acho que quando eu viajo e fico hospedada na casa de alguém, eu realmente viajo e não conheço só os pontos turísticos do local. Eu vivo a cultura. Não que o CouchSurfing seja o único jeito de conhecer de fato a cultura, mas é uma boa maneira. Tem que viver o lugar. À medida que eu for escrevendo sobre as histórias de CouchSurfing, eu vou postando aqui. 
Separei algumas fotos de algumas experiências no CouchSurfing.

Paris

Uma das minhas melhores amigas (Grécia)

Grécia

Itália

 Casa do Banana Man (Itália)

Casa do Banana Man (Itália)

Casa do Banana Man (Itália)

Literalmente surfando no sofá (Itália)


Turquia

Turquia

Turquia

Turquia

Turquia

Turquia

Espanha

Espanha

Londres

Qualquer dúvida, posta aí nos comentários.

Beijo,
Nicole Werneck.

O blog também está no facebook. Se você gostou dessa dica, curte lá porque tem muitas mais: Blog da Nicole.


←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário