Páginas

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Mais do preconceito



Já que estou no embalo de escrever sobre preconceito, aí vai mais uma história.

Estava rolando um campeonato de futebol entre os alunos do Instituto em que eu estudo. Um time com portugueses e espanhóis e um time com os africanos. Fui lá assistir, já que tinham amigos meus jogando e amigos meus assistindo a partida.

Os africanos são do time oficial do IPB, então nem precisa falar que eles deram um show no outro time. Coisa de tipo 10 ou 11 a 1. Beleza, o que nós escutamos desde sempre é que o importante é competir, ainda mais em um campeonato de faculdade valendo nada.

Bom, foi aí que um espanhol falou bem alto: "Beleza, nós perdemos, mas pelo menos continuamos brancos."
Sabe quando você escuta uma coisa tão estúpida, que dói por dentro? É que eu ainda não tinha visto uma manifestação de racismo assim por aqui. Como pode? Mas fiquei muito feliz quando vi que as pessoas, principalmente os outros espanhóis, mandaram ele parar de falar esse tipo de coisa, que era idiota.

Como eu disse no post anterior, é bom ver que existe racismo porque senão eu vou viver achando que todo mundo é legal e vou viver em uma redoma. Mas é muito bom também ver que a maioria não é assim.

                           Demonstração de não preconceito:os lituanos super loiros de olho azul com o                                             pessoal de Cabo Verde                                    
                           
                                            Cabo Verde, Polônia e Lituânia: amo essa mistura

Beijo, beijo,

Nicole Werneck.
←  Anterior Proxima  → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário